Quarta, 23 de Outubro de 2019.
[09/2009] Fabricantes de autopeças lideram os pedidos
O setor de autopeças lidera os pedidos de transferência de linhas de produção para o Brasil. Na lista de empresas que solicitaram autorização do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic), estão 12 fabricantes.

Entre elas: Mahle, Bosch, Dana, Federal Mogul, TRW e Teksid.

"É um bom exemplo, porque as vendas de carros subiram no Brasil, enquanto houve redução drástica em outros países", disse o coordenador da Rede Nacional de Informações sobre Investimentos (Renai), do ministério, Eduardo Celino.

Graças ao incentivo tributário do governo, as vendas de veículos no País devem crescer 6% este ano em relação a 2008, conforme a Associação Nacional de Veículos Automotores (Anfavea). De janeiro a julho, o mercado de carros caiu 32% nos Estados Unidos e 19% no Japão.

"Com a crise, temos capacidade ociosa nos Estados Unidos e na Europa. Mas precisamos aqui", disse o supervisor de importação da Mahle, Omar Dominicale. Estão em andamento na empresa três processos de transferência de máquinas, um investimento de 1,5 milhão.

Nos próximos meses, vão chegar três injetoras do México, uma máquina de solda da Inglaterra, e duas máquinas de fundição da Alemanha. Também veio há duas semanas uma linha de bronzinas, componente para motores. As máquinas foram instaladas em São Bernardo do Campo (SP).

A Federal Mogul vai transferir uma linha de produção que está hoje no Reino Unido. O equipamento será instalado em Araras (SP) e vai aumentar em 40% a capacidade da unidade.

A Jtekt trouxe do Japão uma linha de fabricação de cremalheiras, uma parte da direção hidráulica. Segundo o gerente-geral comercial, Lúcio Teixeira Pinto, as máquinas começaram a operar este mês e vão dobrar a capacidade da fábrica em São José dos Pinhais (PR). "Como o mercado interno está aquecido, quase 40% das vendas são atendidas hoje com importações da Europa. Agora produziremos tudo no Brasil." ...
COPYRIGHT © - RADAR AUTO PEÇAS - 2019 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.